Logo FEBRABAN
 Área Restrita      Fale Conosco      Newsletter    

Notícias

Você está em:
20/12/2022

Carteira de crédito deve crescer 1,5% em novembro, a 10ª alta seguida de 2022

Resultado anual deve registrar expansão na casa de 15%. Melhora do mercado de trabalho, transferências de recursos e aumento de vendas por conta da Black Friday serão os destaques do mês.

 

O saldo total da carteira de crédito em novembro deverá registrar avanço de 1,5%, com bom desempenho tanto no segmento voltado às famílias quanto na carteira direcionada às empresas, marcando o 10º avanço mensal seguido no ano, revela a Pesquisa Especial de Crédito da Febraban. O  crescimento do mês deverá ser influenciado pela melhora do mercado de trabalho, das transferências de recursos do governo (Auxílio Brasil) e ainda pelas promoções da Black Friday, que aumentam as vendas no varejo.

No resultado anual, o ritmo de expansão deve seguir se normalizando, com recuo de 15,8% em outubro para 15,3% em novembro, devido à elevada base de comparação e da política monetária restritiva (alta da Selic), embora em um patamar elevado, acima dos dois dígitos.

A Pesquisa de Crédito da Febraban é divulgada mensalmente como uma prévia da Nota de Política Monetária e Operações de Crédito do Banco Central e as projeções são feitas com base em dados consolidados dos principais bancos do país, que representam de 37% a 88% do saldo total do Sistema Financeiro Nacional, dependendo da linha, além de outras variáveis macroeconômicas que impactam o mercado de crédito.

“Os bons resultados obtidos na carteira nos últimos meses explicam as recentes revisões positivas nas projeções para o crescimento do crédito em 2022, que migraram para a casa dos 15%. Este será o terceiro ano seguido de forte crescimento do crédito, após altas de 15,6% e 16,3% em 2020 e 2021, respectivamente. Isso demonstra que os bancos seguiram mostrando apetite para ampliar a oferta de crédito em um ritmo importante em 2022”, avalia Rubens Sardenberg, diretor de Economia, Regulação Prudencial e Riscos da Febraban.

Em novembro, a carteira voltada às pessoas físicas deve crescer 1,6%, liderada pelas operações com recursos livres (+1,8%), puxadas especialmente pelas linhas atreladas ao consumo, como o cartão de crédito. Na carteira direcionada, o crescimento deve ficar em 1,3%. Apesar do bom resultado, o ritmo de expansão anual do crédito às famílias deve recuar para 18,7% (ante 19,7% em outubro), mas ainda em patamar bastante alto, liderando o crescimento do crédito no ano.

O crédito às empresas, por sua vez, deve expandir 1,3% no mês, com ligeira aceleração no ritmo de expansão anual, de 10,4% para 10,6%. A carteira livre (+1,5%) deve ser favorecida pela sazonalidade positiva das linhas de fluxo de caixa e pelas compras de final de ano, enquanto a carteira direcionada (+1,0%) deve seguir impulsionada pelos programas públicos.

Concessões

De acordo com a Pesquisa Especial de Crédito, as concessões devem crescer 3,8% em novembro, mantendo o volume acima dos R$ 500 bilhões mensais, um valor historicamente alto, mesmo quando corrigido pela inflação. No acumulado em 12 meses, o volume deve permanecer elevado, com expansão de 22,1% (ligeira desaceleração ante outubro, quando ficou em 23,2%), sinalizando que a injeção de crédito na economia tem se mantido expressiva, mesmo sob condições financeiras restritivas.

As operações com recursos livres deverão ser o destaque do mês, com alta de 5,8%, impulsionadas pelas compras de final de ano, impactando positivamente tanto a carteira pessoa física quanto a carteira pessoa jurídica.

Já as operações com recursos direcionados devem mostrar uma retração importante (-10,2%), novamente refletindo a acomodação do volume de desembolsos relacionados aos programas públicos de crédito, tanto para pessoa jurídica (Pronampe e PEAC-FGI), quanto para a pessoa física (Plano Safra), após atingiram o pico nos meses anteriores.

Os números oficiais sobre o desempenho das operações de crédito em novembro serão divulgados pelo Banco Central no próximo dia 27.

A Pesquisa Especial de Crédito pode ser acessada neste link.

 

FEBRABAN – Federação Brasileira de Bancos
Diretoria de Comunicação
11 3244-9831/9942
imprensa@febraban.org.br

 

 

 

Assunto
Período
>>BUSCA AVANÇADA
Diretoria de Comunicação da Febraban
Email: imprensa@febraban.org.br

João Borges - Diretor de Comunicação e Eventos


Atendimento à imprensa :
Gustavo Paul – Diretor-Adjunto de Comunicação
Adriana Mompean - Assessora de Imprensa
Patricia Polo - Assessora de Imprensa

Mídias Sociais :
Mona Dorf- Diretora-Adjunta de Mídias Sociais e Eventos
Carlos Cidra - Assessor de Mídias Sociais
Thiago Silva - Assessor de Mídias Sociais