Logo FEBRABAN
Logo FEBRABAN News

Notícias

FEBRABAN comenta rentabilidade, concentração e nova métrica apresentadas pelo BC

A Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN) comenta aspectos relativos à concentração, rentabilidade e a nova métrica divulgadas nesta quinta-feira (6/10) pelo Relatório de Economia Bancária (REB) do Banco Central do Brasil. Rentabilidade do Setor A rentabilidade do setor bancário não é excepcional, nem está desalinhada da realidade de outros setores da economia brasileira ou do desempenho do setor bancário em outros países. Nos últimos anos, a rentabilidade do setor vem caindo e a concentração diminuindo. Entre as mil maiores empresas do Brasil, conforme levantamento feito anualmente pelo jornal Valor Econômico, os bancos ficaram em 18º lugar na rentabilidade setorial no ano de 2021, ou seja, outros 17 setores foram bem mais lucrativos que os bancos. Além disso, a última vez que os bancos brasileiros ficaram dentre os 5 setores mais rentáveis da economia, exatamente na quinta posição, foi em 2005, há 17 anos. O setor bancário nunca foi o que apresentou a maior rentabilidade na economia brasileira. Outro dado importante: quando comparamos o setor bancário brasileiro com o de outros países, sobretudo nos chamados países emergentes, nosso setor também não é mais rentável. A revista britânica The Banker publicou levantamento com os 1000 maiores bancos do mundo e o setor bancário brasileiro não está entre os mais rentáveis e é similar ao observado em outros países emergentes, em especial da América Latina, nos últimos anos. Temos no Brasil um setor bancário sólido, rentável e moderno, alinhado com as melhores práticas e tecnologias internacionais.

BC, FEBRABAN e FELABAN abrem Congresso Latino-americano de Educação e Inclusão Financeira (CLEIF)

A Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN) e a Federação Latino-Americana de Bancos (FELABAN), com apoio do Banco Central do Brasil (BC), realizam nos dias 27 e 28 de setembro de 2022 o Congresso Latino-americano de Educação e Inclusão Financeira (CLEIF). O evento, que neste ano integra o “Summit de Saúde Financeira”, contará com a participação de especialistas do setor financeiro e de órgãos governamentais do Brasil e do exterior para apresentar as melhores práticas sobre Educação e Inclusão Financeira. Nos dois dias de evento, serão abordados assuntos como “Saúde financeira, finanças responsáveis e a sustentabilidade do sistema financeiro”; “Global Findex - pagamentos digitais e resiliência na era do COVID-19”; “Inovação digital e inclusão financeira – desafios e perspectivas”; “Central Bank Digital Currencies (CBDC) – O caso do Real Digital”; “A importância da mensuração da Saúde Financeira para as Instituições Financeiras”; “Como as instituições financeiras desenham intervenções de educação financeira”; “Como as Associações de classe promovem a educação financeira”; e “Refugiados e migrantes na América Latina: uma oportunidade de inclusão financeira”. A abertura do evento, no dia 27 de setembro, às 9h20, será feita pelo presidente da FEBRABAN, Isaac Sidney; pelo Diretor de Relacionamento, Cidadania e Supervisão de Conduta do Banco Central, Maurício Moura; e pelo Secretário-geral da FELABAN, Giorgio Trettenero. O congresso será em formato híbrido, sendo presencialmente para convidados no Hotel Renaissance, em São Paulo (SP), e digital para o público em geral, com transmissão ao vivo e gratuita na plataforma Noomis e no Linkedin da FEBRABAN.  Para assistir, basta acessar o link para a live, nos destaques das páginas.

Mais Notícias

Assunto
Período
>>BUSCA AVANÇADA
Diretoria de Comunicação da Febraban
Email: imprensa@febraban.org.br

João Borges - Diretor de Comunicação e Eventos


Atendimento à imprensa :
Gustavo Paul – Diretor-Adjunto de Comunicação
Adriana Mompean - Assessora de Imprensa
Patricia Polo - Assessora de Imprensa

Mídias Sociais :
Mona Dorf- Diretora-Adjunta de Mídias Sociais e Eventos
Carlos Cidra - Assessor de Mídias Sociais
Thiago Silva - Assessor de Mídias Sociais