Notícias

Dados consolidados dos 5 maiores bancos sobre concessão e renegociação de operações de crédito

A soma das novas concessões e renovações com o saldo devedor de todas as repactuações chega a R$ 474,1 bilhões, distribuídos por segmentos e produtos.

Os dados consolidados para o período de 16 de março a 17 de abril de 2020 mostram um total de novas operações de crédito de R$ 177 bilhões.

Desde o início da pandemia do coronavírus, o setor já renegociou 3,8 milhões de contratos com operações em dia, que têm um saldo devedor total de R$ 230,6 bilhões. A soma das parcelas já suspensas dessas operações repactuadas totaliza R$ 22,2 bilhões. Esses valores trazem alívio financeiro imediato para empresas e pessoas físicas, que passaram a ter uma carência entre 60 a 180 dias para pagar suas prestações.

Assim, as novas concessões (R$ 177 bi) e o alívio de caixa (R$ 22,2 bi) com a suspensão das parcelas já injetaram R$ 199,2 bilhões de novos recursos na economia.

Além disso, foram feitas renovações de operações no total de R$ 66,5 bilhões, permitindo que empresas e famílias mantivessem esses recursos em seu poder para honrar outros compromissos. 

FEBRABAN – Federação Brasileira de Bancos
Diretoria de Comunicação   
imprensa@febraban.org.br

Assunto
Período
>>BUSCA AVANÇADA
Diretoria de Comunicação da Febraban
Email: imprensa@febraban.org.br
Twitter: @febraban

Equipe:
Cleide Rodriguez - Gerente de Comunicação
Adriana Mompean - Assessora de Imprensa
Arthur Chioramital - Assessor de Imprensa